Pão Rápido com Centeio, Trigo, e Farinha Integral

IMG_2440Sempre que o tempo aquece levanto-me mais cedo. Não sei explicar, mas sabe-me bem. Hoje foi um desses dias. Sem pão em casa e sem saber bem o que fazer comecei a ver o caderno das anotações e encontrei uma receita de quick bread da Anasbageri. E, mesmo com umas pequenas trocas pelo meio ficou um pão cheio de sabor.

IMG_24526 horas depois de o ter feito o miolo mantinha-se macio e firme o suficiente para se cortar. Eu diria que resistir não rima com este pão. Há muito que não comia um pão tão rico. O centeio e a farinha integral marcaram a diferença.

IMG_2446

Pão Rápido de Trigo, Centeio e Farinha Integral

Usar um copo medidor – em ml -como referência

  • 200ml de farinha de trigo T55
  • 100ml de farinha de centeio
  • 50ml de farinha integral
  • 100ml de leite
  • 100ml de iogurte
  • 20ml de óleo de milho
  • 30ml de mel
  • 1 colher de chá de sal fino
  • 1 colher de chá de fermento Royal – daquele para bolos
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio

Numa taça misturar o ingrediente secos. Num copo alto colocar os restantes ingredientes líquidos e misturar. Adicionar os líquidos os secos e misturar rapidamente. Fica pastoso mas é mesmo assim. Forrar uma forma de bolo inglês das mais pequenas com papel vegetal. Polvilhar com flocos de aveia e levar ao forno cerca de 30m. Deixar arrefecer um pouco em cima de uma rede dentro da forma. Depois, retirar o papel com cuidado e deixar terminar de arrefecer, se conseguir…

Fiz metade da receita, por isso se fizerem a dobrar irão obter um pão mais alto.

Bom fim-de-semana.

Bolo Zebra de Iogurte Grego

IMG_2427

É um bolo simples, muito fofo e delicioso. A dificuldade de o fotografar à noite contrasta com a fácil execução e a nossa capacidade de nos contentarmos só com uma fatia… ou duas… ou três.

IMG_2430

Já passava das 21.30 quando o bolo ficou pronto, e, as miúdas não quiseram ir dormir sem a sua fatia de bolo, que, depois de tanta insistência e perante a hora, foi cortado ainda morno… o amarelo do bolo deveu-se ao ovos trazidos pela minha colega C.

Tentei ser artista e fazer o que chamam de Zebra Cake, mas, quando dei por mim, a massa ia fugindo para o lado da forma ao invés de se manter no meio. Ainda assim, o efeito zebra lá se mostrou, e, mais chocolate houvesse e tinha ficado mais marcado.

Bolo Zebra de Iogurte Grego

  • 1 iogurte grego natural sem açúcar
  • 100gr de açúcar
  • 4 ovos tamanho S/M aproximadamente
  • 90gr de manteiga amolecida, não é derretida
  • 3 medidas do copo com farinha Branca de Neve, ou outra auto-levedante a gosto.
  • 1 colher de sopa bem cheia de Nesquik
  • 1 coher de sopa rasa de canela em pó

Ligar o forno a 175ºC. Bater a manteiga com o açúcar até obter uma espécie de creme, o mais certo é colar-se às varas da batedeira. Adicionar os ovos 1 a 1 batendo entre cada adição. Juntar o iogurte e misturar bem. Por fim juntar a farinha, um copo de cada vez batendo entre cada adição. Retirar uma porção de massa para uma taça, mistura o chocolate e a canela e misturar bem. Numa forma untada ir colocando colheradas de massa, alternadamente, umas vez com chocolate, outra vez sem chocolate, e assim sucessivamente até não restar mais massa. Começar com uma colher da massa de chocolate no meio da forma e ir colocando as colheres de massa seguintes sempre uma por cima da outra. Se a massa fugir para um dos lados da forma, não se aflija, não faz mal, a minha também fugiu e tem o efeito. Levar ao forno cerca de 40m. Fazer o teste do palito. Deixar ficar morno na forma e só depois passar para uma rede para terminar de arrefecer, se conseguir e não tiver clientes apressados 🙂 Acompanhar com um copo de leite simples. Delicious.

Ando ausente da blogosfera e das visitas aos blogues que tanto gosto, mas por agora tem de ser. O blog vai ficar em modo de publicação automática, já que os posts estão agendados.

Volto em breve. Até lá o blog irá partilhando por mim o que por cá se faz.

Até já.

Arroz Rápido de Cenoura

IMG_2362

Os dias têm passado sem quase dar por isso. O trabalho absorve-me toda a atenção, e, quando chego a casa já nem me atrevo a ligar o computador pois já vai ficando tarde.

Hoje decidi que tinha que arranjar um tempinho para vir até à minha cozinha virtual e visitar as das vizinhas.

Como o tema é rapidez mostro o meu arroz rápido, e, vou já andando para ainda entrar nas vossas cozinhas para o chá da noite.

Existem muitas formas de cozinhar arroz. Para mim sempre foi um mistério ver como a minha mãe transformava o arroz. Ficava sempre solto e sequinho. Nunca consegui tal proeza, pelo menos da forma que ela o faz.

Arroz cá em casa é vaporizado, e, se antes usava uma marca conhecida, hoje, opto pelo de marca branca. Um dia comprei o do Pingo Doce para experimentar e é muito bom, em nada fica atrás, e, fica bem solto.

Cá em casa o arroz de cenoura é dos mais apreciados, juntamente com o de bacalhau, e faço-o muitas vezes por saber deliciosamente bem.

Arroz de Cenoura Rápido

Numa panela colocar água quente com uma pitada de sal, um fio de azeite, alhos esmagados e deixar levantar fervura. A água fica com um gosto muito bom. Adicionar o arroz e deixar cozinhar. Mesmo antes de servir, e ainda na panela, juntar a cenoura acabada de ralar. Envolver bem e polvilhar com coentros frescos picados.

Até já, bons arrozes 🙂 e bom fim-de-semana.