Os números de 2012

 

Aqui está um excerto:

19,000 people fit into the new Barclays Center to see Jay-Z perform. This blog was viewed about 68.000 times in 2012. If it were a concert at the Barclays Center, it would take about 4 sold-out performances for that many people to see it.

Clique aqui para ver o relatório completo

Este é o relatório de tudo aquilo que escrevi, fotografei e partilhei, feito pelo wordpress. Tinha que o partilhar com todos os que fazem deste blog o meu e o vosso blog.

O tempo não me tem permitido fazer algo que tanto prazer me dá, cozinhar, alimentar o meu blog e visitar-vos, mas, a vida, deu-me a oportunidade de voltar a sentir-me útil fora de casa.

Afinal, dentro de casa o trabalho só cresce e eu precisava de algo mais do que estar em casa. Quando as oportunidades aparecem devemos agarrá-las, pois atrás de umas vêm outras. E, essas, virão com a chegada de 2013.

Do fundo do meu coração desejo a todos os que partilham comigo este blog votos sinceros de um bom ano de 2013.

Anúncios

O Conforto de Sempre no Prato de Sempre

Imagem

Gosto de experimentar sabores diferentes, e, por isso, não fecho o meu palato à globalização. No entanto, existem comidas simples, de sempre, daquelas que, mal abrimos a porta e sentimos o seu cheiro no ar sabemos que é bom, que nos aconchega, que nos sacia.

O esparguete com frango faz parte do meu espólio de sabores desde que me entendo como pessoa. Há dias diziam-me que certos sabores vêm com no adn das crianças, talvez assim o seja, até porque as minhas nunca recusam um bom prato de esparguete com frango.

E faço-o da forma mais simples e mais rápida, na panela de pressão.

Apenas um refogado com cebola, alhos, azeite e louro. O tempero apenas sal e um pouco de colorau. Salteia-se a carne até ganhar cor. Adiciona-se água quente e tapa-se a panela. 20m em pressão é quanto basta. Adicionam-se as ervilhas e as cenouras, e também o esparguete. Junta-se mais se necessário e deixa-se cozinhar em pressão mais 10m. Por fim coloca-se na panela um molho de salsa de deixa-se repousar antes de servir.

Boa semana, boas férias se for o caso, e obrigado por continuarem desse lado.

Hoje Queremos…

Pizza. Acho que me devo orgulhar. Acho que posso. Gostam das minhas pizzas, elas e os outros, e, eu também. E como, com satisfação, sem culpas, e cheia de vontade. E, como não é segredo partilho de novo a receita que uso nas minhas pizzas.

210gr de Farinha T65 Espiga+120ml de Água Morna+1gr de Sal Fino+5gr de Fermento seco granulado+15ml de Azeite+15 ml de Mel

Misturar a farinha com o sal. Abrir uma cavidade e colocar a água, o azeite e o mel. Por fim o fermento. Amassar com batedeira com as varas colocadas até a massa descolar das laterais. Terminar de amassar à mão até formar uma bola que se unta com azeite pare evitar que a massa seque. Tapar e deixar levedar 15m no forno ligado a 50º. Findo o tempo colocar umas gotas de azeite nas mãos e retirar o ar da massa. Amassar e esticar com rolo. Ligar o forno a 200ºC. Picar o fundo, rechear a gosto e vai ao forno até dourar.

Notas: Não se deve juntar mais farinha à massa. Umas gotas de azeite são perfeitas para amassar e vão ajudar a que a crosta fique bem crocante.

Uma boa semana a quem me acompanha. Os posts agendados vão diminuindo e o tempo do meu regresso também está a diminuir. Até já.

Sem Tempo mas com Bolo

Como o tempo passa…

Entre aniversários de miúdos e graúdos, outros que se avizinham, e as festas de época, ando sem tempo para o blog. Espero que ele me perdoe, e quem me acompanha também.

Os motivos são bons mas não esticam o meu tempo. Há muito para contar mas ainda não vai ser desta que só isso merece um post.

E como o tempo não tem dado para novas experiências partilho um post com uma receita bem antiga e conhecida de todos.

Até breve. Obrigado por continuarem desse lado.

Ingredientes: 1 iogurte de aroma à escolha, 4 ovos, 1,5 copo de açúcar, 2 copos de farinha com fermento, 1 copo de farinha Maizena, 1 copo mal cheio de óleo.

Usar como medida o copo do iogurte= 125gr

Ligar o forno nos 200ºC. Bater as claras em castelo até estarem cremosas. Bater as gemas e o açúcar até obter um creme amarelo e fofo. Juntar o iogurte, o óleo, e, bater novamente. Adicionar as farinhas previamente peneiradas e bater usando a batedeira. Por fim adicionar as claras em castelo e envolver de baixo para cima de modo a que a massa ganhe volume. Distribuir as formas de papel por um tabuleiro de muffins e encher com massa até 3/4 da capacidade. Polvilhar com açúcar e canela. Diminuir o forno para os 180ºC e levar a cozer cerca de 20m. Assim que o palito sair seco retirar de imediato. Deixar arrefecer uns 3m ainda no tabuleiro e só depois transferir para uma rede para arrefecerem.

Pão Integral de Iogurte

IMG_0457

O tempo tem chegado para umas coisas e faltado para outras. Ainda assim, o balanço é positivo. Até ao final do ano o blog continuará em câmara lenta, assim como as minhas visitas que se têm resumidos a momentos fugazes 2 ou 3 vezes por semana. A seu tempo partilharei as andanças por estes lados. Até lá agradeço mais uma vez a quem dispõe do seu tempo para vir até aqui, olho os mapas das estatísticas e fico sem palavras ao ver as centenas de pessoas que por aqui passam diariamente. Obrigado por me fazerem sorrir, por me lerem e continuarem aí desse lado mesmo sabendo que eu não estou tão presente quanto gostaria.

Agora, uma receita de pão já aqui partilhada mas desta vez com misturas de farinhas integral, T55 e centeio. Uma boa combinação e um pão muito fácil e saboroso. Espero que gostem e boa semana.

IMG_0458

Ingredientes:
  • 200ml de água
  • 25ml de leite
  • 1 iogurte natural
  • 5gr de sal
  • 250gr de farinha T55
  • 175gr de farinha T55
  • 125gr de farinha de Centeio
  • 7gr de fermento seco para pão
Aquecer o leite com a água até ficar morno e colocar na cuba da máquina do pão juntamente com o açúcar. Colocar o iogurte.
 
Juntar as farinhas e por fim o fermento. Escolher o programa que amassa e leveda.
 
Pré-aquecer o forno a 200ºC. Findo o tempo retirar para a pedra enfarinhada com farinha de milho e tirar o ar à massa moldando um cilindro.
 
Untar uma forma de bolo inglês e colocar a massa. Deixar levedar 20m. Vai ao forno 25-30m.
 
Passado esse tempo retirar da forma e volta de novo ao forno até ganhar cor a gosto. Deixar arrefecer numa rede afim de libertar a humidade criada durante a cozedura.